Em novembro do ano passado, o Google fez um anúncio que deixou muita gente preocupada: os sites ainda não amigáveis a dispositivos móveis vão ser penalizados, já que o mecanismo de pesquisa considerá esse atributo no momento de rankear os resultados de pesquisa, a partir do segundo semestre de 2017.

A verdade é que os smartphones e tablets já não podem ser ignorados há um tempo. No Brasil, o celular se consolidou como o principal meio de acesso à internet. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 92,1% do acesso à rede nas casas brasileiras é feito através dos dispositivos móveis, mesmo nas casas com desktops.

E a tendendência é só aumentar. O último relatório da Cisco afirma que, até 2021, as conexões móveis representarão mais da metade das conexões de internet globais.

Para você ter uma ideia, isso significa que, em 2021, o número de pessoas conectadas através de seus celulares será maior do que o número atual de pessoas com água encanada em casa, contas bancárias e telefones fixos.

Conclusão: não nem como fugir das telas pequenas, não é?

Que tal começar esse processo agora mesmo? Aqui estão 5 dicas para otimizar o seu site para dispositivos móveis.

1 - Desenvolva o seu site com um design responsivo

Em primeiro lugar, é necessário entender o que é um design responsivo.

Nada mais é do que uma técnica de estruturação HTML e CSS, que adapta o site ao browser do usuário de forma automática, independente da tela em que ele esteja acessando. Ou seja, o layout do site se torna fluido e varia de acordo com a resolução do  usuário.

Então, para evitar dor de cabeça e ter que adaptar o seu site todo após algum tempo, se você ainda não desenvolveu o seu, inclua no seu planejamento o design responsivo.

dicas-otimizar-site-mobile-1

2 - Otimize seu site para dispositivos móveis

Se não for possível utilizar um design responsivo, crie versões diferentes do seu site para resoluções de telas diferentes, sempre levando em consideração o recurso da tela sensível ao toque.

Lembre de pensar em todos os detalhes da sua adaptação! Não faça seus usuários precisarem dar “zoom” na sua página para ler algo melhor ou escolher alguma opção. Muitos usuários deixam a página se são forçados a aumentar os detalhes da página.

3 - Otimize também o seu conteúdo

No caso de criar novas versões das páginas já existentes, lembre-se de garantir que o conteúdo das versões mobile esteja tão completo e otimizado quanto as versões originais. Verifique os títulos, meta descrições, heading tags, imagens, tempo de carregamento e outros elementos tradicionais.

dicas-otimizar-site-mobile-2

 

4 - Menus curtos e ações sempre visíveis

Uma coisa é óbvia: se a tela é menor, a quantidade de informações e recursos disponíveis na visualização deve também ser menor.

Por isso, os seus menus de navegação devem ser menos detalhados e mais simples, para não encher a tela do usuário de informações.

Por outro lado, os botões de ação mais utilizados devem estar sempre visíveis, para que o usuário não tenha que subir e descer a sua tela procurando por eles. Mantenha a sua logo como forma de voltar à “home” das páginas e uma caixa de busca sempre visíveis.

5 - Execute testes com frequência

Abra o seu site em seu próprio smartphone e analise a sua experiência enquanto usuário. Avalie a disposição do conteúdo, o layout, o tempo de carregamento das páginas.

Para um relatório completo do funcionamento do seu site, você pode utilizar uma ferramenta própria do Google de teste de velocidade e receber uma análise da sua performance no desktop e dispositivos móveis, além de uma lista de aprimoramentos sugeridos pela plataforma.

dicas-otimizar-site-mobile-3

As ferramentas do mundo digital se atualizam o tempo todo e é fundamental estar por dentro de todas as novidades, para que a sua empresa não seja afetada. Inove sempre!

Quer saber mais sobre a sua presença no meio digital? Que tal uma diagnóstico gratuito?