Na hora de otimizar os seus conteúdos, imagens e descrições dos produtos você fica um bom tempo detalhando tudo para, obviamente, melhorar o alcance e obter bons resultados. O processo nunca é rápido, você tira uma palavra, coloca outra e assim por diante. Um dos grandes obstáculos neste processo é definir a meta descrição das páginas do seu site.

 

Primeiramente, precisamos lembrar o que é a meta descrição e qual é a importância dela em um processo de pesquisa. Sempre que você faz uma pesquisa em uma ferramenta de busca, geralmente o Google, você é encaminhado a uma SERP (Search Engine Results Page), uma página de resultados do mecanismo de pesquisa. Veja o exemplo abaixo:

A frase azul, como você observou, é o nome do site. De verde, logo abaixo, o link do respectivo site e por último, mas não menos importante, a meta descrição. Ela fornece um breve resumo sobre o site ou anúncio que está sendo exibido pelo mecanismo de pesquisa.

 

Portanto, é muito importante caprichar na hora de fazer a sua meta descrição. A informação contida neste texto com um limite máximo de 160 caracteres deve ser breve, direta e muito atrativa.

 

Escrevendo uma meta descrição

 

Agora que você já está com a memória refrescada, vamos à ação. Antes de escrever a meta descrição que você deseja, coloque-se no lugar de quem está fazendo a busca e o que a motivaria a clicar no seu site. Primeiro, pense no produto que você está oferecendo e, em segundo lugar, no porquê das pessoas comprarem o seu produto.

 

A venda ocorre quando você possui um produto procurado pelo cliente, sendo ele raro ou não. No caso de páginas de produto basta salientar sua oferta na meta-descrição.

 

Mas como fazer no caso de ser uma página inicial? Existem diferenças na hora de fazer a sua meta-descrição para cada página.

 

 

  • Página de produtos: expor o benefício do seu produto ofertado.

 

 

  • Página inicial: reforçar a sua marca.

 

Como exemplos básicos, pesquisamos um produto do site netshoes.com, e na segunda pesquisamos o próprio site. Percebeu a diferença entre as meta descrições?

 

Treine antes de escrever. Fale para você mesmo quem é a sua empresa e o que ela faz. É como responder uma rápida pergunta de um amigo: "Tá trabalhando? Com o que?".

 

Quando escrever uma meta descrição?

 

Claro que não precisa escrever uma meta descrição para cada link de seu site. O próprio Google pode te dar uma mãozinha criando meta descrições automaticamente por meio do conteúdo do seu site.

 

Otimizar uma página em cima de uma palavra-chave não é tarefa fácil, mas rende bons frutos. Quando as pessoas chegam ao seu site por meio de diversas palavras-chave, a otimização fica mais difícil. Para evitar o imenso trabalho de criar uma meta descrição para cada página do seu site, faça um ranking da mais acessadas e dê uma atenção especial a elas.

 

Portanto, lembre-se: as meta descrições podem decolar as suas vendas!

 

Três pontos importantes nunca devem ser ignorados:

 

  • Limite de 160 caracteres: nem pensar em tropeçar nesse aspecto técnico, hein;
  • Pense no cliente: mostre como você resolverá o problema dele;
  • Repita: depois de definir a mensagem que você deseja passar, confira tudo e tenha certeza do que está sendo transmitido.

 

 

Agora é hora de colocar tudo em prática e caprichar na hora de anunciar sua página. Fazer uma meta descrição não é fácil, mas não é um bicho de sete cabeças.
Gostou do conteúdo? Baixe o nosso eBook completo sobre Google Adwords e aprenda mais sobre o marketing digital.